segunda-feira, setembro 19

Homenagem ao meu Rio Grande do Sul III.

Pessoal, começo o post pedindo desculpas por não ter mais postado, nem visitado os cantinhos de vocês. Como amanhã é feriado aqui no sul, por causa do dia 20 de setembro, dia em que se comemora a Revolução Farroupilha, a empresa onde trabalho fez feriadão, então estou aproveitando os dias com a minha família e curtindo um pouquinho a casinha, pois volto a trabalhar só quarta!

Mas voltando ao assunto do post, não poderia de deixar fora desta homenagem ao Rio Grande do Sul o Chimarrão! Ele que é uma bebida muito simbólica, é um "despertador", relaxante, confidente ou ainda psicólogo, hahaha. Não entendeu? Já vou explicar.

Eu sou uma (e sei que tem mais gaúchos que fazem assim) que só acorda mesmo depois de um bom mate na manhã, por isso é despertador, durante a semana fica difícil, mas quando estou em casa, levanto e a primeira coisa que faço é preparar o mate, até a Maria já sabe disso! E quando chego no final do dia do trabalho, é o que tomo para relaxar, nada melhor do que um mate! Parece que tira todo o stress e o cansaço. É também responsável pelas melhores rodas de papos com as amigas, e muitas vezes participa das confissões, hahaha, por isso confidente. E quando eu e o marido temos que decidir algo, ou fazer uma DR, sempre está o nosso "mate psicólogo" lá, chega até ser engraçado.

Sabe que ao montar este post me dei conta de como o mate faz parte da minha vida, desde pequena até nos dias atuais (só na gravidez diminui o ritmo, mas não parei). Nossa é quase que um vício mesmo. Quem nunca tomou acha estranho o gosto e até a relação que o chimarrão tem na vida das pessoas, mas depois que conhecem acabam entendendo e muitas vezes virando adeptos. Ficada a dica para experimentarem (viu Elza!)

Segue uma fotinho da minha pitoca já participando desses momentos gostosos e experimentando o chimarrão!


E como promessa é dívida, como fazer um chimarrão, até tentei fazer um vídeo, mas não deu muito certo, hahaha, o marido disse que de tão "tosco" iria virar hit no Pânico na TV. Então a foto foi tirada do google, mas ajuda a entender!!!


Precisa de erva, cuia, bomba para chimarrão e água quente. Primeiramente se coloca erva até o final do corpo da cuia, depois pega um "virador" de mate, que na falta de um pode ser um prato ou uma tampa de pote, se coloca na "boca" da cuia e vira dá uma sacudida bem forte e vai virando aos poucos e tirando a tampa, mas bem de vagar pois ela tem que ficar um pouco inclinada e com uma pequena abertura para se colocar a água quente até chegar na borda. Depois pega a bomba, fecha em cima com o dedo para não entrar ar na hora de a colocar no chimarrão e não entupir. Então a coloque e dê uma viradinha para ela se acomodar e pronto! É só saborear o Mate!!! Seguindo a imagem não tem como errar.

Beijos e até o próximo post!

5 comentários:

Tatá disse...

Sem contar que o chimarrão vira desculpa né? Desculpa pra tomar um mate nos amigos, tomar uma mate na praça, tomar um mate...

O chimarrão acaba sendo um ritual de amizade, at´q porque ninguém oferece mate pro inimigo né???

Bjus e bom feriadão pra nós!!!

Simples Assim disse...

Oi Tássia, tenho muitos amigos gaúchos que não dispensam um chimarrão, mas nunca me atrevi a experimentar.Com todas essas suas dicas acho que da próxima vez vou arriscar.
Linda a foto da sua pitoca,
Bj e um bom feriado,
Lylia

Ju Dalzoto disse...

Hehehehe
Adorei o post!
Gosto bte de chimarrão, mas não tanto assim... e aqui em casa só eu tomo, marido não gosta, então tenho preguiça de fazer só pra mim. E olha, eu não sei fazer desse jeito não... nunca acerto! Deve ser falta de treino!

Mas quando chega mais alguém, eu adoro! É como vc falou, tem gente que não entende como a gente pode gostar de "tomar água quente", mas é bom neh?! Coisas de gaúchos, hehehe

Beijos, Tássia!
Bom feriadinho pra vcs!
Adorei a fotinho da pequena!!

Ju

Izabella Medeiros disse...

O meu marido passou 3 anos no Rio grande do Sul e virou fã do Chimarrão, ele sempre faz aqui, já tomei algumas vezes, mas o calor do nordeste não me deixa apreciar a bebida, acho que no frio deve fazer uma diferença danada!
:D

Glória Maria - Fadinha disse...

Oi querida, sua filha é linda, um encanto tomando mate. Eu prefiro o mate bem geladinho, coisas de carioca, muito calor. Fiquem bem. Beijos